24.9.09

No day but today... ou as palavras que não saem

Por vezes, as ideias que nos povoam a alma não encontram palavras que lhes façam justiça. É esse problema de tentar explicar o que sentimos - o discurso parece sempre ser pouco. A nossa mente tem imagens que quer revelar, toques e cheiros para transpirar. Mas as palavras raramente dizem tudo. Outras vezes, descobrimos que não vale a pena inventar palavras novas. Já alguém falou por nós e resumiu este ritmo que compassa o nosso coração. E, quando assim é, mais vale calar e fechar os olhos - e deixar que os sons nos invadam:

The heart may freeze or it can burn
The pain will ease if I can learn
There is no future
There is no past
I live this moment as my last


There's only us
There's only this
Forget regret
Or life is yours to miss
No other road
No other way
No day but today

There's only yes
Only tonight
We must let go
To know what's right
No other course
No other way
No day but today

in Another Day (excerto), Rent

R.



2 comentários:

Monikyta disse...

tb sofro desse mal, a ver se melhoro com o "teu bem"

bj meu

angel_of _dust disse...

acho que o problema mesmo é estarmos sempre a tentar perceber o que se passa connosco... ao invés de, simplesmente, nos deixarmos ir :|