12.12.12

O corpo que se agita

o corpo que se agita.
talvez o meu.
talvez aquele que tento esconder.
a custo.
mas que quer sair.
rasgar membros onde há apenas tronco.
pintar saliva onde existe desejo.
gravar toque onde sente calor.

o corpo que se agita.
talvez seja agora o teu.
aquele que não procurei.
mas que aportou em mim.
e tem ficado a residir.
a cravar raízes.
e que teima em ficar.

o corpo que são - talvez - dois.
a união de dois.
de duas faces iguais.
cara com cara.
coroa perdida e coroa encontrada.
sombras que se agitam.
mas que, por momentos, são vivos.
e estão aqui.

R.

3 comentários:

c. disse...

lembrei-me disto:

"perder todo o tempo de que disponho. penso praia, é suficiente para que todo o mar se esboce. penso cinza e surge um rosto de lume. penso vento e o sangue lateja. penso coração e vôo com os pássaros. penso em ti e a noite é uma trevas onde não me encontro. penso que não estou aqui e tenho-te até à exaustão dos sentidos"

...pensei em voar, abri asas e parti :)

angel_of _dust disse...

... fizeste bem. quando uma porta se abre - desenhemos do outro lado um (novo) mundo.

partiste - e voltas?

c. disse...

volto, volto :)
mais três semanitas e volto ao outro lado do mundo.
Desejos sinceros de boas festas e um abraço aqui de longe ***